sábado, 6 de junho de 2015

Exciting Revenge 2: Well Well Well



- Mas Lola se você fizer isso sabe que tem uma grande chance da policia te pegar! - explicava Nancy 
Nancy era uma das poucas pessoas que me apoiaram depois que sai de Los Angeles, e contei tudo a ela oque aconteceu comigo e com as pessoas que me rodeam, e oque eu queria fazer com elas, e mesmo assim Nancy continuava ao meu lado e continuava a ser minha amiga, bom não posso reclamar.
- Claro que posso - dei um sorriso - eles me magoaram muito você sabe disso, eu fui traída da pior forme, e agora quero que todos eles paguem por isso, um por um, eu vou me vingar de todos eles nancy você vai ver! 

Uma nova história começou, novas pessoas vão surgir, ela não é mais a Kristin Moore de antes, agora ela se chamava de Lola Jones, sedenta por vingança daqueles que a magoaram, com uma mente não mais de menina e sim de uma mulher fria e vingativa que não perdoa uma alma sequer, Lola agora leva uma vida diferente, bem diferente...

07:33 AM - Texas

Sai de casa e caminhei pelas ruas calmas do Texas procurando uma mercearia, mas naquele lugarzinho, a essa hora da manhã não tinha nenhum lugar que prestasse aberto, é, o jeito seria esperar até as 9:00, quem sabe assim tudo ja esteje aberto.
Vi uma garotinha na rua toda suja, suas roupas estavam rasgadas, seu cabelo era castanho claro mais pra loiro, sua pele era branquinha e seus lábios rosadinhos, não sou muito de simpatizar com as pessoas mas fui até ela me ajoelhei em sua frente e falei:

- Oi lindinha qual é seu nome?
- Maria - respondeu ela com um pouco de medo pelo oque eu percebi
- Não precisa ter medo eu não vou te fazer mal - e realmente não tinha porque fazer mal a uma criança linda como ela
- A senhora parece malvada - ri
- Mas não sou - menti em partes - oque você faz sozinha aqui na rua?
- Minha mamãe tava brava ai mandou eu ir embora da minha casinha - vi que ela estava triste de verdade e isso mexeu comigo, como um ser humano manda uma criança linda como essa ir pras ruas? bom, nao posso dar lição de moral em ninguem.
- Nossa que triste, olha lindinha você esta com fome?
- To sim!
- Você quer ir la pra casa comer alguma coisa?
- Jura que posso? - ela deu o maior sorriso do mundo, essa menina era encantadora.
- Claro que sim! e ai topa?
- Sim sim! - peguei na sua pequena mãozinho gelada e a levei de volta pra minha casa, e chegando na mesma ela ficou encantada com o lugar, seus olhinhos brilhavam, e parecia mesmo que ela sentia falta de casa de um ambiente como esse, ela se sentou no sofá e ficou olhando todo o canto da casa como se ali fosse o melhor lugar do mundo.
- Bom Maria, você pode ver algum desenho se você quiser enquanto eu faço um lanchinho pra você oque acha?/
- Obba, eu adoro Bob Esponja tia..
- Tia Lola
- Tia Lola eu adoro bob esponja
- Tabom - sorri boba e coloquei no bob esponja, a menina tava tão feliz que não sei nem explicar em palavras o tamanho do sorriso que essa menina estava no rosto, posso ser vingativa e má com algumas coisas ou pessoas mas qual é, ela é uma criança linda, toda pedra um dia racha. 
Fui pra cozinha preparar um lanchicho pra ela...fiz um copo de leite com nescau e fiz tortinhas de morango, também fiz biscoitos de gotas de chocolates um sanduiche de queijo com presunto e frango pra ela, depois de tudo pronto levei pra ela comer, a menina comeu tudo em questão de segundos, ela era tão linda, e de certa forma, eu não queria deixar ela sozinha na rua de novo.
- Brigada tia tava muito bom o lanchinho
- De nada linda, bom Maria tava pensando e... você quer dormir aqui hoje? sabe tomar um banho dormir na cama quentinha? oque acha?
- Posso mesmo tia?
- Claro que pode linda
- Eu quero sim! - sorriu
- Bom a tia vai ali na rua rapidinho na mercearia e quando a tia voltar vou te dar um banho bem quentinho tabom? enquanto isso você pode ficar aqui vendo seu desenho oque acha?
- Eu posso comer mais biscoitos tia?
- Pode sim linda
- Obrigada - meu deus essa criança era linda demais, eita Lola cade sua armadura agora ein?
Sai de casa e voltei ate a rua da mercearia e felizmente agora estava aberta, entrei na mesma e peguei um carrinho iria levar tudo oque eu precisava, vi que estavam vendendo Cookies de chocolate e nozes 50% mais barato, eu não gosto mas Maria deve adorar, afinal que criança nao gosta de doces? peguei 3 caixas daquele Cookie pra colocar no carrinho mas uma caixa caiu no chão me abaixei e vi que alguem tinha batido com o carrinho no meu, me levantei e... nossa que ironia do destino não é mesmo? sorri siníca pra pessoa que me olhou com medo e surpresa nos olhos, e a única coisa que eu disse foi...
- Ora ora ora....


I'm Back girls, sorry <3 i love all my angels :)

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Untouchable 30: The End

E no final de tudo acabou que oque aconteceu foi que nos declaramos mais uma vez, mais não podíamos ficar juntos. Porque? Bom... ele tem uma filha agora, e nós dois escolhemos caminhos diferentes. Toda essa história começou por causa de um maldito trabalho escolar, que hoje nem faço questão de fazer ou termina-lo.
Minha vida toda eu sempre procurei um menino meigo e humilde, que gosta de ajudar as pessoas mais como pode, eu me apaixonei por uma pessoa totalmente ao contrário, ele é um badboy metido e arrogante que vive pela música, que desafia as regras que não teme nada.
Se o objetivo do nosso trabalho foi conhecer melhor o parceiro eu consegui!
Conheci melhor Logan Henderson, e descobri que por mais mauricinho e mesquinho que ele seja, ele é capaz de amar... nossa história teve altos e baixos, muitas coisas complicadas e assuntos não terminados, mais acredite que outra história possa começar... um novo começo, meio e fim.
Não podemos saber oque vai acontecer com o nosso futuro, mais podemos escolher as pessoas que vão fazer parte dele, e Logan Henderson fará parte do meu futuro, assim como fez do passado e faz do presente.
Meu nome é Kristin Moore... e aqui eu encerro essa história mal terminada, hoje somos apenas amigos, mais o amor que sentimos um pelo outro é surreal. 

Aqui começa o fim ....

Geeente volteeei eeeh , bom como eu escrevi essa história foi mal contada e terminada e tals, mais eu voltei e vou fazer uma segunda temporada incrivel que vai ser a continuação dessa historia que vai explicar tudinho, vcs vao amar.

@hecanadians <--- Ana... bjooos xx 

domingo, 28 de setembro de 2014

Untouchable 29: Essa é a parte boa de ir embora , você sabe que alguem vai sentir saudade de você

Eu não estava ficando louca , não ainda ... ele estava bem aqui na minha frente , eu não estava acreditando , ou não queria acreditar .

- Logan ? - sussurrei seu nome
- Oi Kristin - ai meu deus

Ficamos ali os dois olhando um para a cara do outro sem dizer nada , não tinha oque dizer , tudo que aconteceu , tudo oque passou , pra mim , foi tudo muito ... marcante .

- Papai a tia klistin é uma princesa sabia ? - disse a pequena Lorenna e espera ..... papai ? , oque eu perdi ?
- É filha ? , e você também é , a princesa linda do papai .

Não ... , ele teve uma filha , eu não podia acreditar nisso , o olhei com um ponto de interrogação em minha testa .

- Sua filha ? - foi a unica coisa que eu achei no momento para falar ... não sua burra , ela chama ele de papai porque eles são amigos ¬
- Sim ... hhm - ele ficou sem palavras
- Porque ? 
- Olha Kristin , aqui não é lugar e nem hora de falar sobre isso
- Mais você sabe que precisamos 
- Tudo bem - ele suspirou - me encontre amanha em frente a casa do Carlos as 14:30 , iremos conversar melhor .
- Tudo bem 
- Tchau tia klistin - disse a pequena Lorenna 
- Tchau minha linda , você é a princesa mais bonita da disney 
- VIU ISSO PAPAI EU SOU A PLINCESA MAIS BUNITA DA DIXNEY . - disse a pequena totalmente emocionada , ri com isso e olhei novamente para Logan .
- Até amanha - disse ele e saiu dali , me deixando plantada ... sabe aquela vontade de comer algodão doce ? , então ... ela sumiu .

[....]

Arramei meu coque no alto de minha cabeça e olhava para meu reflexo aflita em frente ao espelho , falta apenas 30 minutos para encontrar Logan , e eu não sabia oque falar , quer dizer , eu sabia , mais não sabia se deveria falar .
Passei meu gloss basico e logo sai de casa , eu ia andando , a casa de Carlos não era muito longe , certamente daria tempo , enquanto isso eu poderia ir pensando em como dizer todas aquelas coisas que eu queria dizer a logan , pensando em como ele reagiria , qual seria sua expressão , afinal de contas , ele tem uma filha , muita linda por sinal , mais ainda é filha dele , ele teve outra mulher , ele tem outra , certamente seguiu com sua vida , e decidiu de vez me esquecer , eu deveria ter feito isso também certo ? , mais eu não fiz , por tanto tempo eu me pagava pensando nele , por meros 2 minutos que seja , mais eu ainda pensava nele , em todas as coisas que nós passamos , e dai em um dia qualquer , ele volta , e me volta com uma filha .

Em meio a tantos pensamentos vi que ja tinha chegado em frente a casa do Carlos e eram exatamente 14:34 , eu disse que daria tempo , nem logan tinha chegado ainda , calei meus pensamentos quando o vi virando a esquina , lindo como sempre , aquelas calças caidas , seu bone em sua cabeça , suas correntes caras caim perfeitamente sobre seu colo , sua blusa branca de mangas marcando totalmente sua musculatura , ele era perfeito , mesmo com o passar dos anos , ele continuava ali ... perfeito , ele se aproximou de mim , então tomei coragem para falar .

- Oi de novo 
- Oi Kris  - sorri com isso , ele não perdia esse jeito
- Então vamos para algum lugar ? 
- Sim a casa de Carlos 
- Na casa dele ?
- Sim , ele não esta em casa , mais eu tenho as chaves e a falei com ele 
- Ele deixou ?
- Sim , vem , vamos . - me chamou e entramos na casa de Carlos , assim que entramos me sentei no sofa e ele sentou no outro do meu lado , com o cotovelo nas pernas , como se procurasse algo para dizer .

- Sabe Kris ... - ele começou - passei todos esses anos fora , mais nunca deixei de pensar em você - congelei - mesmo depois de todas as sacanagens que você me fez passar , e fez comigo , eu não conseguia tirar seu sorriso da minha mente , eu fui para Georgia , um belo lugar , então na segunda noite que eu estava em Georgia conheci uma menina chamada Carine , uma bela moça ... mais , eu não sabia que ela era encrenca , ficamos aquela noite , e depois outras , outras , e outras , até que um dia Carine disse que estava grávida , e que o pai era eu , eu não acreditei sério , cheguei a mandar ela abortar , mais agradeço a ela por não ter feito isso , se nao , hoje  eu não teria minha princesa - ele sorriu - descobri que Carine na verdade era uma prostituta , ela queria se prostituir ainda gravida de Lorenna , mais eu a proibi , disse que assim que minha filha nascesse ela podia fazer oque quisesse com a vida dela , Carine esperou os 9 meses , então minha mocinha nasceu , e assim que ela nasceu eu fiquei encanto , ela era igual Carine , olhos verdes , cabelos claros , uma perfeita princesa , então quando Carine teve alta do hospital ela disse que iria voltar ao seu trabalho de prostituta , fiquei absurdamente com raiva , porque tinha achado que em 9 meses ela desistiria dessa ideia louca , mais não ela voltou .

Kristin você não sabe o o quanto eu bebi , chorei , sofri , fumei e aguentei as coisas por sua causa , quando eu estava criando Lorenna sozinha , era só em vc que eu pensava , em vc sendo mãe , como vc seria se fosse mae de Lorenna , ela te chamando de mamãe e eu de papai , seria a coisa mais perfeita do mundo , mais vc não me escolheu , você escolheu aquele que te fez sofrer .

- Drew - sussurrei 
- Exatamente .... mais apesar de tudo Kris , meu amor por voce ainda esta aqui dentro - ele apontou pro lado esquerdo de seu peito - esse coração aqui ainda bate por você , mais não sei se é da mesma forma , muito tempo se passou , e como você pode ser , muitas coisas aconteceram .
- Mais eu queria saber o porque vc foi embora , vc simplesmente foi e ficamos todos aqui , sentindo saudades de vc Logan .
Essa é a parte boa de ir embora , você sabe que alguem vai sentir saudade de você .

sábado, 23 de agosto de 2014

Untouchable 28: Lorenna


Os meses se passaram rápidos demais , eu nem tinha visto ... quer dizer , os anos se passaram muito rápidos , parece que foram meses , 4 Anos para ser mais exata , uma nova etapa na minha vida , muitas coisas aconteceram , tipo  , eu ja me formei na faculdade , o tal trabalho que mudou completamente minha vida também ja tinha terminado , diz sobre o Logan , afinal foi ele quem marcou minha vida , foi com ele que isso tudo começou , depois do ocorrido da traição Drew quis reatar comigo , mas dei logo um NÃO pra ele , disse que se ele fez uma vez , poderia fazer de novo , e eu não serei otária pela 2a vez .
Estava arrumando minha trança de lado em frente ao espelho , hoje eu e Taylor vamos ao Parque de diversões , eu , ela , Kendall e James . Carlos esta com uma namorada nova chamada Sue ela é super legal , e aaah pessoal , novidades , minha barbie preferida esta namorando ... sim meu kendizzle está namorando , com a Lucy ! , pirei quando eu soube , eles são perfeitos juntos , não tinha garota melhor pra ele namorar ! . 
A campainha tocou e logo soube que era Taylor , pelo modo exagerado de tocar , fui pra sala abri a porta e la estava minha loira .

- Até que em fim , a noiva ja esta pronta ? - perguntou irônica .
- Hahaha nossa que engraçada você , cade o Kendall ... vamos logo .
- Ele ta no carro vamos ... AI MEU DEUS - gritou
- Oque foi lucy ?
- Amei sua trança amiga 
- Ahhh isso lucy ? que susto merda !
- HAHAHAHAHAHAHA vamos logo viada - disse ela , rimos e fomos para o carro  la estava minha barbie preferida , e o moreno dos olhos verdes , falei com os dois e partimo rumo ao Parque de diversões .

[ ... ]

Chegamos ao parque os olhos da minha barbie brilharam tanto .
- AMOR EU QUERO IR NA RODA GIGANTE ! - gritou ele
- Calma amor , nós vamos , você vem Kiki ?
- Sabe que eu odeio que me chamem de Kiki , lucy .
- Eu sei por isso eu chamo kkkkkkkk
- Não não vou , vai la com a Barbie .
- BARBIE SEU CÚ LOIRA DE FARMACIA . - gritou a barb... ops Kendall .
- Hahahaha , olha quem fala ! - todos rimos .

Eles foram na roda gigante enquanto eu e James iamos nos outros ... sabe era bom , poder estar finalmente feliz , sorrir de novo . Estava indo pra fila comprar algodão doce , quando eu vejo uma menininha tão linda mas tão triste na minha frente de cabeça baixa , fiquei de joelhos pra ficar a altura dela .

- Oi princesa , porque está triste ?
- Puique eu quelo gudão doci - fez bico - aww que linda , logo pedi um algodão doce do rosa para amoça e me agaxei de novo a altura dela .
- Aqui toma , comprei pra vc .
- Mesmu tia ? bigadu - ela sorriu amostrando seus lindos dentes brancos , ela parecia uma princesa , branquinha , cabelos castanhos claros , olhos verdes , era realmente uma princesa .
- Qual seu nome princesa ? - perguntei
- Lorenna
- Que nome lindo - sorri
- E qual é seu nome tia ?
- Kristin amor .. esta sozinha ?
- Não estou com meu papai 
- E cadê seu papai ?
- LORENNA - uma voz rouca gritou atrás de mim , eu reconhecia aquela voz , me levantei e girei meus calcanhares , me dando a visão da pessoa que bagunçou toda minha vida , a pessoa na qual me deixou durante 4 anos me sentindo culpada por faze-lo ir embora , era ele , ele estava de volta , e com uma filha ? espera , oque eu perdi ?
- Logan ? - susurrei 
- Kristin ?

Continua

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Untouchable 27: Flashbacks



Flashback On - Dia da despedida/Traição - 

Eu vi ele indo embora , se afastando de mim em passos que pra mim pareciam muito rápidos , cai em prantos ... então era isso , ele foi mesmo embora ? , voltei pra casa entrei no meu quarto e desabei em chorar , chorei como nunca chorei na minha vida , eu sabia que sentia algo por Logan , mas não podemos ficar juntos ... isso seria ... louco demais .
Minha mãe , meu pai , Kendall e Taylor tentaram falar comigo , mas nao queria falar com ninguém , ele me deixou , mesmo que nao pudêssemos ficar juntos , eu queria ele aqui , e agora quem vai me perturbar ? ; Sou uma pessoa meio bipolar , as vezes desejo a morte dele , e as vezes o quero aqui comigo apenas sendo ele , entende ? , é coisa de garota , no caso , é coisa minha .

Logan Henderson Narrando 

Ver ela chorar foi a pior coisa que eu ja pude ter visto na vida , vi que ela entrou correndo pra dentro de casa , mas eu nao tenho mais nada a fazer a nao ser ir embora , ja dei tantas chances a ela , do meu jeito , mas dei , e agora ... nao valeu pra nada . Entrei no avião depois de ter guardado as malas , eu sentia uma dor no peito , eu nao queria ir , mas nao quero sofrer por uma coisa que eu nao sei que vou ter , essa merda de amor ... só fode com agente .

Kristin Moore Narrando 

Minhas olheiras denunciavam que eu não tinha dormido a noite , meus pensamentos ficaram em torna de uma só coisa , alias , de uma pessoa só . Oque é isso que ele faz comigo ? , oque ele causa em mim ? , uma mistura de sentimentos que fico perdida .

Passei uma leve maquiagem para enganar e para passar a imagem que estou bem, coisa que nem de longe eu estou . 

[..]

Sabe onde estou agora pessoal ? , na boate com minha amiga Taylor , eu vim na intenção de esquecer ele , mas nao deu muito certo , a cada gole na bebida alcoolizada é uma dor no peito por ter o feito partir .
Me arrependi de ter vindo , sabe porque ? , ganhei um par de chifres ! , isso mesmo , Drew estava quase engolindo uma garota perto do bar , e eu ali a otária achando que ele gosta de mim , como se nao ja estivesse sofrendo , agora estou mais ainda , eu fui largada 2 vezes no mesmo dia , tem coisa pior ? , sei que tem mais .... dor de coração partido é muito ruim .

Não quero me lembrar de mais nada daquele dia , de ninguem , nada , São apenas Flashbacks .

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Untouchable 26: Drunk in love


Com quase 11 meses sem ver Logan , Kristin sofria calada . Porque ? , a tres meses ela pegou seu ex-namorado Drew Bieber a traindo com a capitã do comitê de noticias da escola . Ela sofreu bastante , teve uma recaída e só se arrependeu mais , ela ia pra faculdade todos os dias quieta , com seus fones no ouvido sua mochila em seu colo , olhava para a paisagem como borrões quando estava dentro do onibus indo para seu instituto de ensino .
Ela entrava na escola de cabeça baixa , olhares caiam sobre ela , mas nada mais importava , os professores falavam e ela via unicórnios voando , fazia rabiscos no caderno , desenhava as vezes um L+K =  , as vezes rabiscava o nome de Drew com uma cruz enorme no meio , ela estava guardando tudo pra si , em casa agia normalmente , ajudava sua mãe com as tarefas , fazia sua parte como filha , e depois que o dia todo passava ela se jogava na cama relaxa e suspirava fundo , e ao meio desse suspiro ela se lembra de cada coisa que passou , de cada olhar que viu , mas especialmente um , um par de olhos castanhos , pele branca como a neve , muculos fortes que pareciam que iam rasgar a blusa , um topete totalmente bem alinhado no alto de sua cabeça , um sorriso torto nos lábios , uma voz extremamente rouca que dava arrepios só de ouvir ... antes de dormir ela colocava aquela música em especial que sempre a fazia se lembrar por quem seu coração batia , sempre a lembrava o dia em que ele foi embora , o dia em que a vida dela se tornou totalmente sem graça , sem vida .

Kristin P.O.V

Hoje já não sou a mesma, sofro a cada instante,a cada minuto da tua ausência.
O desejo de te vê voltar é enorme, a vontade louca de um dia voltarmos a conversar, para eu poder me explicar, e vc ouviir pacientemente tudo que tenho pra falar, tbm é enorme. Ainda hoje não ancontrei explicações para compreender o que nos separou de um jeito tão superficial. Só econtro perguntas sem respostas duvidas não me faltam, e quanto mais essas perguntas me confudem e essas duvidas me enlouquecem, eu vou sofrendo, perdendo a vontade de continuar viva.
O meu maior medo era amar e não ser amado, amar e ao invés de viver esse sentimento que é tão lindo cheio de felicidade, viver ele com dor, sofrimento e lágrimas, e talvez por eu ter tanto esse medo tive que passar por tudo que passei, amei, como amei, sofri como sofri, chorei como chorei, é estranho ter que descobrir sentindo na pele que um sentimento tão puro também é capaz de destruir por dentro uma pessoa quando não se é vivido devidamente, intensamente, sinceramente entre duas pessoas. Pouco fui feliz, mas o suficiente pra eu ver como é bom se sentir amado, queria poder sentir isso novamente de uma forma mais pura e intensa, mais duradoura, só queria um amor de verdade, alguém que eu pudesse ter ao meu lado por muito tempo. Eu queria abrir meu coração novamente, me apaixonar, amar, sorrir, ser feliz, viver, fazer tudo ficar mais bonito, mais colorido, fazer do mundo um paraíso. Eu não sei se ainda posso amar, espero um dia alguém me ensinar e ver que ainda sou capaz disso, capaz de amar sem medo. Quero fechar os olhos e sentir suas mãos nas minhas me guiando pra felicidade, meu coração ta fechado, espero que um dia alguém possa abri-lo novamente. Estou preso vivendo este sonho, na esperança de um dia ficar bem.
Depois de um temporal, sempre dizem que vem a calmaria. Nossas indas e vindas se acalmaram de uns tempos pra cá, mas voce nao é mais o mesmo por quem eu me apaixonei, perdidamente. Você é frio, ironico, e só está sendo ignorante comigo, e nem imagina como isso me machuca. Eu queria que voce voltasse a ser o de antes, e queria que falasse comigo sobre as coisas que te afligem. Eu amo voce mais que tudo na minha vida, e nao quero te perder. Eu queria poder ter a certeza de que voce me ama tambem, entao, demonstra isso, eu nao estou vendo o garoto que eu amo em voce. Eu já me arrependi de muitas coisas que eu já fiz na minha vida, mas eu mudei, cresci, amadureci, e aprendi a dar valor as coisas e pessoas que realmente importam, e esse alguem é voce. Nao quero te perder, só quero te amar, até o fim dos meus dias.
Eu ainda choro ao lembrar de você! Eu ainda tremo ao te ver passar! Ainda rezo pra te ter algum dia, ainda peço pra Deus me dar forças pra superar ver outra no meu lugar! Não entendo nos amamos e não conseguimos ficar juntos, você olha pra mim e diz me amar, mas você tem outra, e isso me deixa sem ação! ! E ela merece ser feliz. Eu te fiz sofrer! Eu sei disso, mas não foi minha intenção! Só queria cuidar de você! Tento levar minha vida, cada dia me conformando que sofro por alguém que um dia já me quis!Encaixo-me perfeitamente naquele ditado: Quem não dá valor perde o amor! Toquei-me que eu o amava tarde de mais! Só te peço: não me esqueça! Ainda vamos amadurecer, e ver o sol nascer pra gente!
Eu a voocêe me entreguei , tudo no amor eu apostei eu nem pensava em mim , era feliz assim. O tempo passou e voocêe nunca mudou tudo isso , ignorou desencanando ao ver voocêe não merecia todo o meu amou , voocêe pisou demais , me magoou demais , não mereci tudo o que fez comigo . Decidi que não iria mais olhar pra trás , sei que mereço mais voocêe vaai aprender a valorizar a quem te ama como eu te amei , eu me toquei , decidi que não iria mais ficar na ilusão, voocêe me fez sofrer demais , e acreditar numa grande mentira . Mais sei que vou ser feliz , depois de tudo o que eu fiz , de todo o bem que eu te quis , voocêe me machucou , e eu decidi que voocêe cairia for . Não merecia o que fazia comigo , decidi te esquecer , e se um dia voocêe resolver voltar atrás , nem pense em pedir pra voltar , quando senti saudades lembre de todo o amor e carinho que eu te dei , e voocêe vai entender a frase ‘ só da valor quando perde ‘ e vai chegar a sua hora de chorar , de sofrer , o quando eu sofri.

Kristin Moore esta sofrendo , estava bêbada , bêbada de amor .